Anestesiologista é nova diretora-geral do INCA

Ana Cristina Pinho é servidora da instituição desde 2011

18 Out, 2016

A médica Ana Cristina Pinho Mendes Pereira é a primeira mulher a ocupar a diretoria-geral do Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA).

O INCA, que completa 80 anos em 2017, é o órgão auxiliar do Ministério da Saúde no desenvolvimento e coordenação das ações integradas para a prevenção e o controle do câncer no Brasil. 

A dra. Ana Cristina Pinho tomou posse na segunda-feira, dia 17 de outubro. Na ocasião, relembrou o início da carreira na instituição, na qual ingressou como médica residente em 1992. “O INCA tem múltiplas funções: assistência, ensino, pesquisa e prevenção. Uma operação complexa e que, apesar disso, funciona muito bem, porque dedicação e competência circulam livremente entre suas diferentes partes,” destacou a médica.

O Secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, Francisco de Assis Figueiredo, destacou a importância do INCA não apenas no atendimento dos pacientes do estado do Rio de Janeiro, mas de todo o país. Ele prometeu apoio do Ministério ao Instituto.

Graduada em Medicina pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Ana Cristina Pinho possui residência médica em Anestesiologia pelo INCA e especialização em Anestesiologia pela Associação Médica Brasileira. É servidora do INCA desde 2011 e foi responsável pelo programa de residência médica em Anestesiologia do Instituto. Foi médica no Hospital Municipal Miguel Couto entre 1995 e 2006.

Compartilhe


NOTÍCIAS RELACIONADAS